Notìcias Notícias Frades, Notícias Monjas, Notícias
1 julho 2021

Visita teatralisada a Gotarrendura

A propriedade da família Ahumada em Gotarrendura (Ávila, Espanha) era um destino de veraneio preferido da nobreza do século XVI. Era o dote de Beatriz de Ahumada, a mãe de Santa Teresa, e o pai, Alonso de Cepeda, acrescentou em seguida um pombal. Este último marcou a alma da Santa Madre ao ponto que chamou a todos os seus conventos “Palomarcicos” (pombais) e as suas religiosas “palomas” (pombas).  Santa Teresa herdou desta propriedade pelo desejo expresso da sua mãe, que conhecia o seu afecto pelo Pombal. Hoje, resta apenas um terreno cerrado, com o seu pomar e pombal.

No sábado 12 de junho, teve lugar em Gotarrendura uma visita teatral ao Pombal de Santa Teresa. Foi uma visita imaginária de Teresa de Jesus à sua propriedade. Teresa mostrou tudo à freira que a acompanhava e aproveitou a oportunidade para contar as suas recordações de juventude. O clímax da peça é o momento em que Santa Teresa, caminhando com o seu pai, evoca os quatro modos de regar o seu jardim e os graus de oração.

Esta peça foi realizada por um grupo de professores e estudantes da Universidade Católica de Ávila (UCAV). É o fruto do trabalho de investigação sobre “O pombal Teresiano” da professora María Jesús Carravilla, no âmbito da comemoração do 50º aniversário do Doutorado de Santa Teresa. A antestreia teve lugar a 12 de abril durante o Congresso Internacional “Mujer excepcional“. A adaptação e encenação eram da autoria do Sr. Juan José Severo Huertas.

O jardim e a fonte de Santa Teresa foram também inaugurados no sábado 12 de abril.