Uma vida pela África

Uma vida pela África

Marcellino Forcellini (06/12/1930 – 23/10/2016) nasceu em Paris, mas tinha cidadania da República de San Marino, sendo o único carmelita natural desse pequeno estado independente. Sua nação lhe concedera um reconhecimento em atenção a seu trabalho missionário e de atenção aos necessitados.

Religioso da Província Romana, foi missionário no Congo durante quase cinquenta anos: Kananga, Ntambwe, Kinshasa, Bukavu e Lubumbashi foram alguns dos lugares nos quais desempenhou seu trabalho como pároco, responsável e, inclusive, fundador de algumas dessas presenças. Sua vida foi mais cheia de preocupações e problemas que de glória terrena, mas entregou-se incansavelmente a seu trabalho, sem nunca poupar-se.

Esteve entre os organizadores da pastoral vocacional e da formação dos primeiros vocacionados do Carmelo congolês.

No último dia 23 de outubro, precisamente no dia em que a Igreja celebra as missões e os missionários, foi chamado, como servo fiel, à casa do Pai. A história missionária da Ordem contará sua história e, pela misericórdia de Deus, seu nome será inscrito no livro da vida. Descanse em paz.