O Magistério espiritual do papa Francisco. Espiritualidade da alegria e do compromisso: É tempo de caminhar.

O Magistério espiritual do papa Francisco. Espiritualidade da alegria e do compromisso: É tempo de caminhar.

Com a Eucaristia celebrada no dia 3 de outubro pelo bispo de Novo Hamburgo, Mons. Zeno Hastenteufel, ficou inaugurado em São Leopoldo, Brasil,  o Congresso de Espiritualidade intitulado: “O Magistério espiritual do papa Francisco. Espiritualidade da alegria e do compromisso: É tempo de caminhar”, ao qual assistiram o P. Agustí Borrell, Vigário Geral – em representação do P. Saverio, em visita pastoral ao Congo-, o P. Javier Mena, Definidor Geral e umas 150 pessoas de toda a América Latina: frades, monjas, carmelitas seculares, famílias associadas e leigos carmelitas.

No Congresso ouviram-se vozes muito autorizadas como as do P. Scannone, sj, professor do papa e irmão de comunidade de Bergoglio durante um tempo, Milton Moulton, Antonio Barrios, Eugenio Sainz de Baranda e Jorge Zurek da parte da Ordem, o capuchinho Gilmar Zampieri, o salesiano Marcos Sandrini e tantos outros. Fechou o Congresso uma intervenção do P. Agustí Borrell, com o tema intitulado: “É tempo de caminhar: Um programa de renovação para o Carmelo Teresiano”. Tomando as linhas principais do magistério do papa Francisco e do documento Capitular do Carmelo descalço, convidou aos congressistas e a todo o Carmelo a ser apóstolos desde a interioridade.

Este Congresso é o número 14, dando assim continuação a um longo caminho de reflexão iniciado pelo Carmelo em América Latina desde o ano 1971, data do primeiro congresso em Colombia.  Desde então se celebra cada tres anos aproximadamente.

O Carmelo latinoamericano caminha junto a uma Igreja que se sente discípula e missionária de Cristo, ao mesmo tempo agradecida pelo dom do papa Francisco à Igreja universal. Por isso se propôs neste Congresso ir às fontes da espiritualidade e o pensamento do papa Francisco, apropriar-se da frescura da sua mensagem e buscar as línhas de convergência com os nossos mrdtres, Santa Teresa de Jesus e São João da  Cruz.