COVID-19 na Índia

COVID-19 na Índia

Padre Johannes Gorantla, definidor encarregado do Sudeste asiático, compilou notícias a respeito da situação gerada pela COVID-19 em sua área geográfica. Na seção de língua inglesa de nossa página – e do boletim COMMUNICATIONES – pode-se ler na íntegra a sua crônica, que resumimos aqui.

Como no resto do mundo, a enfermidade obrigou a paralisar a Índia, impondo o confinamento aos habitantes desse grande país. Até 6 de maio tinha-se notícia de 50000 contágios, 15000 recuperados da doença e 1700 falecidos. Dada a população do país (1300000 habitantes), pode-se afirmar que a situação está sob controle, mas as autoridades continuam atentas aos aspectos imprevisíveis do vírus. Maharashtra, Gujarat, Delhi e Tamil Nadu são as áreas mais afetadas.

A maior urgência neste momento é atender as famílias pobres e aqueles que se acham sem recursos, já que dependem do trabalho e do salário diários. Nossos frades empreenderam diversas iniciativas para socorrer os mais necessitados, oferecendo não apenas alimentos e provisões, mas também desinfetantes e máscaras. As carmelitas descalças, por sua parte, rezam dia e noite pedindo ao Senhor pelo país e por toda a humanidade.

Graças a Deus, não foram recebidas notícias de religiosos ou religiosas da Ordem na Índia falecidos por causa da COVID-19.