Secretário para a cooperação missionária, P. Jerome Paluku

segr coop int

Biografia

Padre Jerôme Paluku pertence à Delegação Geral São José, do Congo. Nascido em 29 de setembro de 1972, em Katamamba, na paróquia de Katwe (diocese de Goma – República Democrática do Congo). Conheceu o Carmelo através dos primeiros missionários carmelitas (originários da província de Castela/Espanha), a cujo cargo estava a paróquia de Katindo, na diocese de Goma. Depois da primeira profissão em Kananga (Kassaï ocidental – R.D. Congo), em 15 de agosto de 1997, começou seus estudos de filosofia no Instituto São José Mukasa de Camarões para concluí-los em Kinshasa no ano 2000. Depois de um ano de experiência em Goma, continuou a teologia no Tangaza College de Nairóbi e foi ordenado sacerdote em Katindo, em 22 de maio de 2005, na mesma paróquia onde conheceu o Carmelo. Desempenhou os cargos de vigário na citada paróquia e ecônomo da comunidade, antes ser o ecônomo geral da Delegação em Kinshasa. Como missionário comprometido e sempre disponível, ofereceu-se para ajudar a Delegação provincial de Malawi, e ali estava quando o Padre Geral o solicitou como assistente na Secretaria Geral de missões. Além dos estudos eclesiásticos, Padre Jérôme obteve um diploma em Ciências da Comunicação Social no Tangaza College (Nairóbi-Quênia) e um Master em Ciências do Desenvolvimento no Kimmage Developmemt Studies Centre de Dublin (Irlanda), onde se especializou na gestão de projetos e em organismos de desenvolvimento. Por último, além de assumir o cargo de Secretário Geral para a Cooperação Missionária da Ordem, Padre Jérôme é também consultor na gestão de projetos.

 

 

Atividade

O Secretariado Geral para a Cooperação Missionária está encarregado de:

  • Despertar a consciência missionária e comunicar as iniciativas ao centro da Ordem;
    2. Assistir, aconselhar, acompanhar e sustentar os missionários em seus projetos carmelitanos, pastorais e socioeconômicos;
  • Coordenar as ajudas financeiras e logísticas em favor de projetos missionários concretos;
    4. Ser um canal de solidariedade missionária no seio da grande família carmelitana;
  • Ser ponte entre as missões e os organismos de ajuda;
  • Velar com eficiência pela administração das ajudas concedidas para a realização de projetos concretos em nossas missões.

Entre seus objetivos, o Secretariado para a Cooperação Missionária se interessa também pelas Carmelitas Descalças, sobretudo as que estão em países em desenvolvimento. O Secretariado para a Cooperação Missionária ocupa-se também de coordenar os donativos e toda ação solidária (indivíduos, comunidades e Províncias) em favor das missões e das comunidades beneficiárias.
Para colaborar com a obra missionária carmelitana e os diversos projetos em favor dos mais desfavorecidos, os donativos podem ser enviados para:

IBAN: IT07P0569603237000009000X37

BIC/SWIFT CODE:            POSOIT22XXX
BANCO: Banca popolare di Sondrio

Beneficiário: MISSIONI CASA GENERALIZIA PADRI CARMELITANI SCALZI

Também por meio de cheque bancário em nome de MISSIONI CASA GENERALIZIA PADRI CARMELITANI SCALZI

De antemão, agradecemos seu apoio.

 

 

 

P. Jerome Paluku
Secretário para a cooperação missionária

Casa Generalizia dei Carmelitani Scalzi
Corso d’Italia, 38
00198 Roma – ITALIA

Tel. +39 06 854432 13

+39 3668126743

Contato